Organizando meu Interior

Organizando meu Interior

Publicidade - OTZAds

 

Temos falado de muitas formas de organização, mostrado estratégias e dicas, no entanto vamos falar da primeira organização que deve ocorrer para que todas as outras aconteçam.

Você já pensou em como está seu interior? Não digo nos seus órgãos, mais indo um pouco mais a fundo falo sobre seu emocional, seu estado de espirito.

Como você tem se tratado e como tem se sentido?  Por vezes deixamos de lado o que passa dentro de nós e vamos vivendo um dia após o outro de forma desenfreada e automática e sem muitas vezes nos atentarmos com que estamos realmente sentindo.

É extremamente importante que haja uma mudança de postura quanto a isso, lembre-se que você é sua prioridade e que algumas coisas apenas você poderá fazer por si mesmo. Mude sua postura a respeito de se deixar de lado, aprenda a se priorizar. Continue sim a ajudar as pessoas ao seu redor, porém entenda que você precisa cuidar de você e do seu emocional primeiro.

Publicidade - OTZAds

Uma pessoa com o emocional fragilizado dificilmente conseguirá cuidar de outros por muito tempo, a longo prazo a sobre carga emocional pode te paralisar.

O que fazer então para organizar a bagunça interna? Como o nosso título já diz: “Organizando meu interior”.

Iniciar o processo de organização interna não é dos mais fáceis e deve ser iniciado com calma, pois tudo aquilo que foi guardado e deixado para trás por anos não sairá e se resolverá assim da noite para o dia. O primeiro passo é planejar suas metas a curto prazo, e listar as mudanças que você quer que aconteça em sua vida.

Coloque tudo no papel, ideias, metas e emoções, essa é a hora de colocar para fora o que tem sido guardado por muito tempo. Defina suas prioridades e certifique-se que irá cumpri-las.

Publicidade - OTZAds

Se desconecte das mídias sócias por um período para conseguir se reconectar em você, essa ação para alguns pode até parecer drástica no entanto estamos constantemente sendo bombardeados por muitas informações, o que muitas fazes nos causam estresse, preocupação, ansiedade e medo.

Cultive relacionamentos com pessoas que você ama e considera importante; se perguntado para qualquer pessoa sobre o que ela mais ama e considera importante na vida, a maioria responderá a família, e alguns outros os amigos, o que mostra que apesar de todas as coisas que passamos a vida correndo atrás, no fim o que importa são as pessoas.

Com isso esforce-se para estreitar seus laços, sejam eles familiares ou de amizade, isso fará dos seus relacionamentos mais sólidos, que por sua vez auxiliará você na sua organização interna, pois ter alguém em quem confiar e ser ouvido quando necessário nós faz muito bem.

Busque ter uma vida com hábitos saudáveis, se alimente bem, durma o suficiente para seu corpo se recuperar, pratique atividade física, essas atitudes fazem bem para nosso interior e emocional.

Acima de tudo priorize-se, aprenda a se amar e se respeitar em primeiro lugar, afinal só assim você conseguirá amor os outros.

Publicidade - OTZAds

Portanto, quando você começar a se satisfazer primeiro, você começa a preencher as lacunas emocionais dentro de você e deixa de sofrer quando as mesmas não são preenchidas pelos “outros”, colocando todas essas pequenas dicas de ações em prática sua mente e seu interior começam a realinhar, e a organização interna acontece de forma leve porém efetiva.

Em muitos casos se faz necessário um acompanhamento profissional nesse momento, com tudo não hesite em procurar um psicólogo para te ajudar nessa jordana de descoberta interior.

Organizando meu Interior

renatareisveronez

Olá, meu nome é Renata, tenho 31 anos, sou casada, formada em Gestão de Negócios, dona de casa, trabalho fora assim como muitas outras mulheres nos dias atuais, tenho algumas paixões como conversar, viajar, cozinhar, limpar a casa e escrever. Sou conhecida por alguns amigos próximos por ser uma boa ouvinte e uma boa conselheira e também pela minha capacidade de me comunicar bem, desenvolver ideias criativas e por usar essa criatividade para fazer algumas coisas como caracterizar de palhaço e evangelizar crianças (mais esse último é um assunto que falaremos mais pra frente.) Sou bem agitada e talvez um pouco imediatista. Enfim, essa é uma pequena descrição sobre mim, com o tempo você começará a me conhecer melhor. ♥

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: